Advertorial

Sumário

Quer ir aos Estados Unidos e não sabe por onde começar a preparar a documentação para o visto? Não se preocupe. Preparamos um passo a passo para você. Mas lembre-se: antes de tirar o visto, é necessário que você já tenha seu passaporte. Se ainda não tiver, solicite no site da Polícia Federal.  Com o passaporte em mãos, aí sim você pode dar entrada no visto americano, de acordo com seu objetivo específico no país (turismo, negócios, educação, trabalho, etc), e apresentar a documentação exigida em cada etapa da obtenção do visto. Por isso, vamos ao nosso guia. Acompanhe:

1. Preencha o formulário on-line

Na primeira etapa do processo, você deve preencher o formulário DS-160, disponível on-line na página do Departamento de Estado Americano. É um questionário bem longo, que pode demorar mais de uma hora para ser respondido, mas é possível que você preencha aos poucos, desde que salve seus dados a cada etapa concluída. E não se esqueça de anotar o número de sua Application ID. Além de preencher suas informações, é preciso responder a questões educacionais, de trabalho, visitas anteriores feitas aos Estados Unidos e também seu histórico policial.  O site está em inglês, mas, ao posicionar o cursor do mouse sobre o texto, ele oferece uma tradução para o português. Também vale lembrar que dependendo do tipo de visto que você vai solicitar, os documentos pedidos são diferentes. Se você vai trabalhar, estudar, casar, investir nos Estados Unidos, tudo isso influencia no tipo de visto a ser requerido.  2. Pague a taxa de US$160 para vistos de visitantes.

2. Envie o formulário 

Ao final do preenchimento, antes de enviar, você deve escolher onde fará a entrevista. No Brasil, há opções de seções consulares no Recife (PE), Belo Horizonte (MG), São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Porto Alegre (RS) e em Brasília (DF). Confira os endereços: Brasília Venâncio 2000 SCS, Qd 8 Bl B60 sala 340 – Setor Comercial Sul, Brasília – DF  Rio de Janeiro Lagoa Corporate – R. Humaitá, 275 – Loja A Humaitá, Rio de Janeiro – RJ São Paulo Av. José Maria Whitaker, 370- Vila Mariana, São Paulo- SP  Recife Comercial Bandeira – Av. Herculano Bandeira, 949 – Pina, Recife – PE Belo Horizonte Ed. Celta – R. Maranhão, 310 – Loja 1 – Santa Efigênia, Belo Horizonte – MG Porto Alegre Av. Assis Brasil, 1712 – Passo D’Areia, Porto Alegre – RS Em Brasília, Recife e no Rio de Janeiro é possível fazer os agendamentos para o CASV e Embaixada/Consulado no mesmo dia.

3. Agende a entrevista

O agendamento da entrevista pode ser feito tanto pelo site quanto pelo call center. A disponibilidade de datas varia muito, portanto, é bom fazer a solicitação com antecedência para não correr o risco de perder a viagem. Se ela for feita em família, até dez pessoas podem marcar a entrevista para o mesmo horário, desde que cada um tenha o seu próprio formulário preenchido. Solicitantes menores de 16 anos ou com mais de 65 anos são dispensados da entrevista, mas podem ser convocados, se a embaixada ou consulado julgar necessário.

CRIATIVO1 | Prime Secure

4. Coleta das impressões digitais

Antes da entrevista, você terá que comparecer a um Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto (CASV) com seus documentos e comprovantes de pagamento. Os funcionários do centro retirarão as impressões digitais dos dez dedos das mãos e farão uma foto do seu rosto. Óculos não podem ser usados durante a fotografia. Por isso, se possível, prefira ir de lentes de contato. 

5. Selecione os documentos para a entrevista

Lembra do passaporte que falamos lá no começo? Ele precisa estar válido, por pelo menos seis meses, para viajar para os Estados Unidos. No dia da tão aguardada entrevista, você precisa levar:

  • Passaporte contendo o último visto dos Estados Unidos (caso você já tenha visitado o país); 
  • Página de confirmação do formulário DS-160;
  • Página de confirmação e instruções do agendamento impressa;
  • Formulários complementares: estudantes devem levar o formulário I-20 ou DS-2019, fornecidos pela instituição de ensino, preenchidos e assinados;
  • Declaração de Imposto de Renda; 
  • Os últimos três contracheques;
  • Os últimos três extratos bancários, impressos das máquinas de autoatendimento;
  • Uma foto 5 x 5 cm ou 5 x 7 cm colorida, tirada dentro dos últimos 6 meses e com fundo branco. Essa foto só é necessária se o solicitante não estiver presente no CASV. Se ele estiver presente, será feita uma foto digital no local. Para crianças com menos de dois anos que estejam solicitando o visto, é altamente recomendável que os pais apresentem uma foto impressa.

6. Faça a entrevista

No dia da entrevista, o objetivo do candidato ao visto deve ser o de comprovar seu objetivo com a viagem. Então, esteja preparado para expor de modo claro e breve suas intenções, o tempo que pretende permanecer no país e o que o motivou a fazer a visita.  Em caso de turismo, não é recomendado comprar as passagens de avião antes de ter o visto emitido em mãos, pois há o risco de não ser aprovado e você não ser reembolsado. Também é fundamental apresentar a contratação de um seguro de viagem que cubra eventuais despesas médicas e emergências do viajante, já que os Estados Unidos não dispõem de qualquer serviço público que atenda a estrangeiros. Mostre que você tem um bom planejamento. Comprovar o vínculo com o Brasil também ajuda: leve a carteira de trabalho assinada, o comprovante de que está estudando e o comprovante de endereço. Só apresente o que for pedido. Para vistos de negócios, documentos da empresa, contatos com os clientes, cartas de recomendação de fornecedores ajudarão. Já no caso de vistos de estudante, cartas de admissão e formulários preenchidos pela instituição de ensino americana serão necessários.

Para visto de trabalho, serão pedidos documentos que comprovem sua formação, a intenção do empregador americano em tê-lo como funcionário e suas condições de executar o serviço. As entrevistas podem ser feitas em inglês no caso dos vistos de negócios, de trabalho ou de estudos, mas para turismo isso raramente acontece. Em todos os casos, é importante comprovar que você dispõe de recursos para se financiar durante sua estadia. Extratos bancários, documentos de bolsas de estudos, holerites (contracheques), etc., serão seus aliados. No consulado, não é permitido entrar com bolsas, celulares ou qualquer aparelho eletrônico. Há revistas rigorosas, inclusive com o uso de detectores de metais. O ideal é ter consigo apenas uma pasta com os documentos e a carteira com dinheiro.

Chegue com antecedência porque, apesar de ter horário marcado, você terá que encarar uma fila. 

7. Retire o documento

  O visto de turismo tem validade de dez anos, mas a validade dos outros tipos pode variar. O passaporte pode ser retirado pelo titular no Centro de Atendimento ao Solicitante de Visto ou entregue pelos Correios, em casa ou no trabalho. Os passaportes ficam prontos entre dois e sete dias úteis após a entrevista. Existem diversos tipos de vistos americanos, mas quase todos eles seguem os procedimentos listados acima. Em caso de recusa, o governo americano explica quais os motivos pelos quais o visto foi negado. Não se preocupe! Seguindo esses passos, é muito provável que você consiga seu visto.  Exigências atualizadas desde dezembro de 2021 A Embaixada e os Consulados dos Estados Unidos no Brasil anunciaram as novas exigências para a entrada de viajantes estrangeiros ao país. Além do requisito de vacinação já em vigor, a partir de 2h01 (horário de Brasília) de 06/12/12, todos os passageiros com idade a partir de dois anos, que tenham um voo partindo para os EUA, serão obrigados a apresentar um resultado negativo do teste viral de Covid-19 feito em até um dia antes da viagem. Ou precisam apresentar documentação que comprove a recuperação da infecção pelo vírus nos 90 dias anteriores ao embarque. Antes, o requisito anunciado era de apresentar um teste negativo em até três dias antes do embarque. 

Informações adicionais:  O passageiro deve apresentar um teste antígeno ou PCR negativo. O que é considerado um dia, de acordo com os requisitos: o período refere-se a um dia antes do embarque. Estabelecendo o período de um dia, a aceitabilidade do teste não depende da hora do voo ou da hora do dia em que o teste foi realizado. Exemplo: se o seu voo é às 13h de uma sexta-feira, o passageiro pode embarcar com um teste negativo feito a qualquer momento da quinta-feira anterior. Os requisitos de vacinação previamente determinados permanecem em vigor. E aí? Gostou das informações? Compartilhe com quem está querendo tirar o visto para a terra do Tio Sam.

Cidades Brasileiras Que Têm Um

Muitos brasileiros sonham em conhecer a Europa. Existem diversas cidades espalhadas pelo Brasil que possuem uma

Dicas de Cuidados Para se

A terceira idade também chega para os cães, e é importante ficar atento a isso,

6 dicas para uma viagem

Viajar para o México tornou-se o desejo de muitos viajantes, especialmente por tratar-se de um

Credibilidade, experiência e transparência são características que norteiam a Prime Secure. Desde 2015 a nossa proposta é inovar na área de corretagem de seguros, através de tecnologia e eficiência, oferecemos qualidade em serviços para proteger e assegurar os bens e patrimônios de nossos clientes e parceiros.

Contato

Corretora@primesecure.com.br

+55 (11) 3511-0708

Siga a Prime Secure

Escolha uma das Opções Abaixo: